AUMENTO DE TRABALHADORES TEMPORÁRIOS DERRUBA MÉDIA SALARIAL NO PAÍS

SalarioYen
O aumento do número de trabalhadores com contratos temporários, em 2012, provocou a queda da média salarial no Japão, mostrou uma pesquisa do Ministério da Administração, publicada pela agência de notícias Japan Press. Como os salários dos trabalhadores temporários é menor que dos trabalhadores regulares ou efetivos, o aumento dos contratos com empreiteiras reduziu a média de rendimentos dos trabalhadores no país.

Dados divulgados pelo Ministério mostram que a média salarial no Japão, em 1997, era de 700 mil ienes. Entre aquele ano e 2012, o número total de trabalhadores temporários subiu de 23,2% da força de trabalho japonesa para 35,2%. Desses, 76,7% receberam menos de 2 milhões de ienes durante o ano de 2012. O achatamento salarial teve como resultado a queda da média salarial em todo o país.

Ainda segundo os dados, 29% dos trabalhadores temporários tiveram rendimentos anuais entre 990 mil e 500 mil ienes, média de 62 mil ienes por mês. Outros 11,3% ganharam menos de 500 mil ienes em todo o ano 2012.

Já 19,7% dos trabalhadores efetivos receberam cerca de 3 milhões em todo o ano de 2012 ou 440% a mais que os temporários. Outros 13,2% de trabalhadores regulares tiveram salário anual de 4 milhões de ienes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.